Gran Vía

Gran Vía

A Gran Vía foi construída entre 1910 e 1929 para conectar o bairro de Salamanca com o de Argüelles.

A Gran Vía é a avenida mais conhecida de Madrid. Historicamente recebeu muitos outros nomes como Avenida de Rússia, Avenida de quinze e meio e Avenida de José Antonio.

A construção da Gran Vía foi um projeto que durou várias décadas até ser finalizada. Os primeiros rascunhos datam de 1862, época em que se reformou parte do centro histórico madrileno, mas o design final chegou apenas em 1899, quando os arquitetos José López Salaberry e Francisco Octavio Palacios apresentaram o projeto. As obras começaram em 1910 e terminaram em 1929.

A Gran Vía foi uma das obras mais importantes da Espanha. Foi necessário demolir mais de 300 casas e afetou quase 50 ruas. Graças à Gran Vía foi possível conectar o centro de Madrid (calle Alcalá) e o noroeste da cidade (Plaza de España).

Atualmente, na Gran Vía encontraremos basicamente três tipos de estabelecimentos: restaurantes, lojas de moda e cinemas. Antigamente, a Gran Vía era chamada de Broadway madrilena, mas há cada vez menos cinemas na avenida.

A Gran Vía é um dos centros nevrálgicos de Madrid e nela você irá encontrar um clima animado a qualquer hora do dia durante todo o ano.

Transporte

MetrôGran Vía, linhas 1 e 5; Callao, linhas 3 e 5.

Lugares próximos

Puerta del Sol (416 m)
Plaza Mayor de Madrid (558 m)
Plaza de España (643 m)
Palácio Real de Madrid (670 m)
Museu Cerralbo (820 m)