Plaza de Oriente

A charmosa Plaza de Oriente está localizada no centro histórico de Madrid, próximo ao Palácio Real e ao Teatro Real. Conheça-a.

A monumental praça conta com diferentes jardins e uma excelente exposição de esculturas.

Concebida em 1844 pelo arquiteto Narciso Pascual y Colomer, a praça foi construída por ordem do rei José I após a demolição das casas medievais que se encontravam na região.

O que ver na praça

Os pontos mais chamativos da praça, sem sombra de dúvidas, são os dois edifícios do entorno, o Palácio Real e o Teatro Real.

No centro da praça encontra-se a principal das esculturas, uma estátua de Felipe IV montado a cavalo feita em bronze, a primeira do mundo a sustentar-se em pé apenas sobre as duas patas traseiras. Para realizar esta proeza, o criador da escultura (que a concebeu com base nos quadros do rei pintados por Velázquez) contou com a ajuda de Galileu.

Na praça, há também uma coleção de esculturas de vinte reis espanhóis feitas de calcário. A ideia original era que as peças fossem utilizadas na decoração do Palácio Real, mas elas acabaram sendo destinadas à Plaza de Oriente.

Os jardins centrais, construídos em 1941, estão distribuídos em forma de grade e formam atrativos canteiros com plantações florais, cercas vivas e ciprestes. Na parte exterior da praça encontram-se dois jardins frondosos, os Jardins del Cabo Noval e os de Lepanto.

Um ponto chave

A Plaza de Oriente é uma zona agradável e tranquila ideal para passear enquanto se visita uma das partes mais antigas e surpreendentes de Madrid. Trata-se de um lugar central e de grande interesse que não pode ficar de fora do seu itinerário.

Transporte

MetrôÓpera, linhas 2 y 5.
Ônibus: linhas 25 y 39.